Posted in Destaque, Notícias
26 de Maio de 2020

Reunião virtual dos líderes da UE e do Japão

A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, o presidente do Conselho, Charles Michel, e o primeiro-ministro do Japão, Shinzō Abe, participaram numa reunião virtual e emitiram um comunicado de imprensa conjunto. Na reunião, foi abordada a resposta à pandemia de coronavírus, salientando a importância da solidariedade mundial, da cooperação e do multilateralismo efetivo.

Os dirigentes debateram a necessidade de retirar ensinamentos da atual situação, a fim de evitar futuras pandemias, bem como as medidas a tomar a este respeito.

Com base na bem-sucedida iniciativa da conferência de doadores da «Resposta Mundial ao Coronavírus», com início a 4 de maio, os líderes da UE e do Japão reafirmaram também o seu empenhamento na colaboração a nível mundial e no financiamento sustentado para o desenvolvimento e a disseminação de medicamentos antivirais, diagnósticos, tratamentos e vacinas eficazes, a fim de os disponibilizar a todas as pessoas a um preço acessível.

Com o objetivo de assinalar o compromisso da UE e do Japão em acelerar a cooperação em matéria de investigação sobre saúde, a comissária da Inovação, Investigação, Cultura, Educação e Juventude, Mariya Gabriel, e o ministro de Estado e da Ciência e Tecnologia do Japão, Naokazu Takemoto, assinaram, à margem da videoconferência, uma carta de intenções sobre o reforço da cooperação nos domínios da ciência, tecnologia e inovação. Tal inclui a colaboração entre o Programa de Investigação e Desenvolvimento do Japão e o Programa Horizonte Europa da UE.

Os presidentes von der Leyen e Michel e o primeiro-ministro Abe salientaram a sua determinação em assegurar uma recuperação económica sólida e reconstruir economias mais sustentáveis, inclusivas e resilientes, em consonância com a Agenda 2030, os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e o Acordo de Paris.

Os líderes salientaram a necessidade de ajudar os países em desenvolvimento na sua resposta ao coronavírus, por exemplo através do pacote de apoio «Equipa Europa» com mais de 20 mil milhões de euros.

Os dirigentes debateram também as consequências geopolíticas da pandemia de coronavírus e reiteraram o seu empenho em defender a ordem internacional assente em regras e reforçar a cooperação. Os dirigentes reafirmaram o seu empenhamento na parceria estratégica UE-Japão, que foi reforçada pelo Acordo de Parceria Estratégica UE-Japão e pelo Acordo de Parceria Económica.

Ligações úteis: