0
Posted in União Europeia
7 de Agosto de 2013

Preços das chamadas telefónicas na UE registam diferenças de 774 %

No que respeita às comunicações móveis, os diversos países membros da União Europeia, apresentam enormes diferenças de preços para os mesmos serviços.

A maior diferença verifica-se nas chamadas móveis nacionais – uma diferença de 774 % entre a Lituânia, o país mais barato, e os Países Baixos, o mais caro. Estas diferenças de preços não podem ser explicadas por diferenças na qualidade, diferenças nos custos da prestação do serviço ou por diferenças entre os países em termos de poder de compra dos consumidores.

Referindo-se a esta matéria, Neelie Kroes, Vice-Presidente da Comissão Europeia, afirmou: «Como estes números mostram claramente, os 28 mercados nacionais de telecomunicações hoje existentes na Europa não beneficiam os consumidores como aconteceria se existisse um mercado único. É fundamental para toda a UE que se avance rapidamente na criação de um verdadeiro mercado único, para que tenhamos um continente efetivamente conectado.»

Existem diferenciais de preços muito mais pequenos noutras categorias de bens e serviços básicos no mercado único europeu. Por exemplo, o preço de um litro de leite na UE pode variar entre 0,69 EUR e 0,99 EUR, uma diferença de 43 %. O preço de um produto que se adquire ocasionalmente, como um iPAD, apresenta apenas uma diferença de 11 % em toda a UE.

Em setembro, a Vice-Presidente Neelie Kroes apresentará um novo pacote de medidas destinadas a reforçar o mercado único das telecomunicações.

Para mais informação: http://europa.eu/rapid/press-release_IP-13-767_pt.htm

Comments & Reviews