Posted in Destaque, Notícias
3 de Dezembro de 2021

Política de Coesão da UE: Médio Tejo recebe prémio do público no concurso REGIOSTARS 2021

O projeto Transporte A Pedido, apresentado pela sub-região do Médio Tejo (municípios de Abrantes, Alcanena, Constância, Entroncamento, Ferreira do Zêzere, Mação, Ourém, Sardoal, Sertã, Tomar, Torres Novas, Vila de Rei e Vila Nova da Barquinha) e que facilita a mobilidade em todo o seu território através de uma central de reservas, recebeu o prémio do público na quinta categoria («Reforçar a mobilidade ecológica nas regiões») dos prémios REGIOSTARS, cujos vencedores na edição de 2021 foram anunciados ontem pela Comissão Europeia. Estes prémios recompensam os melhores projetos da política de coesão em toda a UE. Este ano, o concurso REGIOSTARS recebeu um recorde de 214 candidaturas e 14 156 pessoas votaram na categoria do prémio do público. A comissária da Coesão e Reformas, Elisa Ferreira, afirmou: «Quero felicitar calorosamente os vencedores dos projetos da política de coesão da UE de 2021. Eles são modelos de referência para todos aqueles que querem contribuir para melhorar a vida das pessoas com a utilização dos fundos da UE. Espero que inspirem muitas outras iniciativas em todo o continente. Graças aos REGIOSTARS, ficámos a saber que os projetos de excelência e inovação estão em todo o lado na Europa. Basta procurá-los e destacá-los devidamente. Continuaremos a procurá-los e continuaremos a dar-lhes o nosso apoio.» Os prémios abrangem cinco categorias e um prémio do público: «Europa INTELIGENTE: aumentar a competitividade das empresas locais num mundo digital» em que foi galardoado o projeto belga Integration 3D metal printing; «Europa VERDE: comunidades ecológicas e resilientes em contextos urbanos e rurais», em que venceu o projeto ICCARUS (Gent knapt op), também da Bélgica; «Europa JUSTA: promover a luta pela inclusão e contra a discriminação» para o projeto TREE – Training for integrating Refugees in the Euregion, dos Países Baixos, da Alemanha e da Bélgica; «Europa URBANA: promover sistemas alimentares ecológicos sustentáveis e circulares em áreas urbanas funcionais», ganha pelo projeto Travelling Solidary Cannery, da Bélgica; e finalmente a categoria com o tema do ano «Reforçar a mobilidade ecológica nas regiões – Ano Europeu do Transporte Ferroviário 2021» (quinta categoria), cujo vencedor é o projeto North-West Multimodal Transport Hub, do Reino Unido e da Irlanda. Outros favoritos do público incluem os projetos BEGINBalkan RoadBaltazar e Digital Farming Specialist. Os prémios REGIOSTARS são um concurso anual organizado pela Comissão desde 2008: tornou-se o rótulo de excelência da Europa para projetos financiados no âmbito da política de coesão da UE, que apresentam abordagens inovadoras e inclusivas no domínio do desenvolvimento regional.

Mais informações no comunicado de imprensa.