Lux Film Days Portugal 2016: “A minha vida de Courgette”

Funchal recebe “A Minha Vida de Courgette”, filme finalista do Prémio Lux de Cinema do Parlamento Europeu

 Sexta-feira, 11 de novembro – 18:30

Cinema NOS, Forum Madeira

“A Minha Vida de Courgette”, um filme de animação de Claude Barras, finalista do Prémio Lux de Cinema do Parlamento Europeu, chega sexta-feira, 11 de novembro, ao Funchal, com a projeção marcada para o Cinema NOS Forum Madeira, às 18:30, com entrada gratuita.

A iniciativa, do Gabinete do Parlamento Europeu (PE) em Portugal, em colaboração com o Centro Europe Direct da Madeira, insere-se nos Lux Film Days, que levam a todo o país os três filmes finalistas do Prémio Lux de Cinema do PE.

“A Minha Vida de Courgette” (Suíça, França) conta a história de Courgette, que não é um legume, mas sim um valente rapazinho que acredita que está só no mundo quando perde a mãe. Mas não conta com os encontros que terá na sua nova vida. E depois há uma rapariga, Camille….

O filme de animação destina-se a um público com mais de 14 anos, atendendo à temática tratada.

Os outros filmes finalistas da edição deste ano do Prémio Lux são “Toni Erdmann“, de Maren Ade (Alemanha, Áustria, Roménia) e “À Peine J´Ouvre Les Yeux”, de Leyla Bouzid (França, Tunísia, Bélgica, Emirados Árabes Unidos).

Os Lux Film Days já passaram por Vila Real (14 de outubro) e Braga (26 outubro), chegando agora ao Funchal, de onde segue para o Porto e Lisboa.

O Lux Film Prize é o prémio de cinema do Parlamento Europeu criado em 2007 para promover a produção cinematográfica europeia, fomentando a distribuição de filmes europeus na UE e estimulando o debate em torno de temas atuais.

Todos os anos, são nomeados três finalistas entre os filmes europeus cujo conteúdo verse a atualidade da integração europeia e temáticas controversas. Os nomeados são legendados nas 24 línguas oficiais da UE, o que significa um forte incentivo à penetração dos filmes no circuito comercial. A escolha do filme vencedor é feita pelos 751 eurodeputados.

Em 2015, o filme vencedor do Prémio Lux foi “Mustang” (França, Alemanha, Turquia e Catar), da realizadora turca Deniz Gamze Ergüven, que também ganhou o óscar de Melhor Filme Estrangeiro.

Para mais informações: http://bit.ly/2e8tnAc

 

unnamed

You may also like...