Fundos da UE levam ao desenvolvimento de tecnologias inovadoras

O financiamento da UE em tecnologias emergentes será triplicado no âmbito do Programa-Quadro Horizonte 2020.

2,7 mil milhões de euros (de 2014-2020) serão disponibilizados para financiar projetos de investigação que possam conduzir a novas tecnologias inovadoras. Ana Maiques, que recebeu hoje o prémio de inovação europeu das mulheres atualmente, utilizou este financiamento para realizar trabalhos de investigação em neurociência, tendo criado a sua própria empresa (Neuroelectrics), demonstrando que este apoio inicial da UE pode conduzir a novas empresas inovadoras.

Para mais informações: http://europa.eu/rapid/press-release_MEMO-14-175_en.htm?locale=en

You may also like...

Deixe uma resposta