Comissão quer melhorar eficiência dos serviços públicos de emprego

Os Serviços Públicos de Emprego têm um papel fundamental a desempenhar na ajuda a prestar aos 26 milhões de desempregados que procuram trabalho na Europa. Por esta razão, a Comissão Europeia apresentou uma proposta de decisão que visa contribuir para que os Serviços Públicos de Emprego otimizem a sua eficácia, através de uma estreita colaboração entre si, e possam, assim, responder melhor às necessidades dos desempregados e das empresas.

A eficácia dos Serviços Públicos de Emprego é essencial para a aplicação prática das políticas de emprego pelos Estados-Membros, como é o caso da Garantia para a Juventude. Por exemplo, são eles que estão numa posição privilegiada para aconselhar individualmente os candidatos a emprego sobre ofertas de formação, aprendizagem ou estágios, bem como sobre oportunidades de prosseguir outras atividades educativas adequadas à sua situação e às necessidades dos empregadores.

Além disso, os Serviços Públicos de Emprego são ainda vitais para assegurar uma melhor correspondência entre os candidatos a emprego com qualificações específicas e os empregadores que procuram essas competências O último número do Observatório Europeu de Ofertas de Emprego revela que, apesar de se registar um desemprego recorde na Europa, continuam por preencher 1,7 milhões de vagas de emprego na UE.

A decisão proposta estabelecerá uma plataforma que permite comparar o desempenho dos Serviços Públicos de Emprego, tendo como base critérios de referência relevantes, identificando as melhores práticas e promovendo a aprendizagem mútua. Os próprios Serviços Públicos de Emprego indicaram que, com um tal sistema em vigor, os problemas do mercado de trabalho podiam ser detetados mais cedo.

Para mais informações: IP-13-544

You may also like...

1 Response

  1. cristina dias diz:

    Excelente notícia.

Deixe uma resposta